segunda-feira, dezembro 12, 2005

Infância feliz

Dizem que quando se tem uma infância feliz nos recordamos de todos os momentos que marcaram o resto da vida. Pois eu tenho uma coisa a comunicar: lembro-me de muitas poucas coisas (e não sou a única) e tive uma infância feliz. Em conversa a C.. dizia-me "Lembro-me dos meus 4 anos e depois salto logo para os 14! Deve ter havido muita coisa boa no meio e eu não me lembro de nada! Fico triste"
Eu pedia-lhe para se tentar recordar ao mesmo tempo que eu, também, fazia um esforço para me lembrar de algo.
Gritei. "Lembro-me do primeiro dia de escola! A minha mãe teve de me aquecer o iogurte da Vigor (sabor a morango) porque eu dizia que não saia de casa com frio!"
Não sei se os momentos são revividos por fotos e episódios que os meus pais me contam ou propriamente coisas que vagueiam na minha cabeça. Lembro-me de passear no parque com o meu pai e de ele empurrar o triciclo com um pau (foi no desespero deste pai que nasceram os triciclos modernos), lembro-me de andar sempre cheia de pensos rápidos que roubava na casa de banho por achar sempre que tinha dói-dói, lembro-me do nascimento do meu irmão (e de ouvir o camarada Álvaro Cunhal pela janela da clínica. Nasceu no dia 1 de Maio), lembro-me de ir ao talho e passar o tempo a pedir Nocho (chouriço na minha linguagem de criança), lembro-me dos traumas dos cortes de cabelo , lembro-me de mais tarde ter vergonha das minhas pernas (por serem magras), lembro-me de pedir para ir para uma escola "de meninos normais" (neste tempo andava num colégio), lembro-me de chorar quando o David O Gnomo acabou (ainda hoje me comovo por este se ter transformado em árvore), lembro-me do meu cão de peluche que eu chamava carinhosamente de “cã da codela” (ainda hoje a minha mãe se questiona de onde eu tirei o nome).
Afinal ainda me lembro de muita coisa... e continuo a ser feliz! Apesar de muitas vezes ter dificuldades para nomes e para me lembrar de ligar ás pessoas!

1 comments:

At 14 de dezembro de 2005 às 11:21, Blogger bolaxamaria said...

Eu tenho imensas recordações da minha infância... sou uma pessoa mt nostálgica, mt agarrada ao passado [o q n é bom], e passo mt tempo acordada a pensar cm seria bom poder lá voltar de x em qd...
Quem sabe daqui a umas décadas isso n se torna possível...

 

Enviar um comentário

<< Home

adopt your own virtual pet!